sexta-feira, dezembro 8

RECEITA DO DIA

Esta noite, tecendo poesias experimentais com Tarco, experimentei 7 Belo sabor tradicional imbuído ao tira-gosto: lingüiça, legumes, farofa. Ficou uma delícia, sério mesmo! Não bastando, noutra rodada de cerveja, acrescentei Tic Tac de limão no copo. Fervilhou, então paramos para uma análise química. E pra sincronizar o papo etílico, acabamos discutindo física, metafísica e alquimia.
Nosso laboratório gastronômico
: o bar
Gaiola (sito na Av. 13 de Maio com Av. da Universidade, em frente ao CEFET.)

Não sei pra quê dei a idéia, mas depois jogamos
Jó-ken-pô, e perdi uma partida (proposital, óbvio). Coincidia de todas as jogadas que eu punhava pedra, meu parceiro também. Daí Plutarco ficou puto, quis engrossar o caldo e pôs tesoura quando eu coloquei papel. Fui cortada!! De prêmio, ele meteu meio vidro de molho inglês na minha Brahma. Eis que de repente começou a espumar tal aquele efeito do drops Mentos na Coca-cola. O colarinho cresceu um monte. Meu parceiro bebeu antes de mim, gentlemamente. Parecia vinagre com sal de fruta Eno. Blé! Um horror. Fumamos Lucky Strike pra aliviar a barra, aproveitei, já que estávamos escrevendo e declamando degustes poético-filosóficos e pedi um autógrafo pro Tarco na carteira de cigarros. Ah, mas antes de acender um, tomei a faca de serrinha e separei o tabaco do filtro, esfarelando em seguida no prato. Tracei uma farofa especial, ardida e aromática.
Hum... Ficou bom, BOOM demais!!!

Sei que a lista de ingredientes parece assaz baldeada, porém, acreditem ou não, a barriga manteve-se indolor até hoje. Aliás, doeu só na hora, mas doeu de tanto darmos risada. Lá pras altas horas saímos do Gaiola voando altos e passamos no supermercado, não resistimos. Comemos coxinha com catupiry e ainda pedi pra viagem um pedaço do rocambole de chocolate que estava me seduzindo no vidro da padaria. Zan levou pão atraído pelo cheiro adentrando suas narinas feito desenho animado. Ai, ai, só contigo mesmo Tarcozano querido do meu coração (que não é miúdo, não é de galinha, mas de borboleta ébria e Punk) Só tu pra me entender os desejos de gráVIDA... HAHAHA ô comédia!!! Antes de postar o resultado, tirar o bolo do forno lá em nosso http://lepdopteratura.blogspot.com, sintamos um cheirinho de caça no ar e soltemos as bestas existentes em nosso deguste humano com http://osinal.blogspot.com

Um comentário:

Tarco Zan disse...

Se eu quiser falar comigo preciso estar contigo... tão direto que chega a ser simbólico: eu te amo fela!